quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Top 5 - Livros proibidos que não podem faltar na sua estante

Me inspirei (e tirei boa parte das informações) numa publicação no site Ig sobre "Os 15 livros proibidos que não podem faltar na sua estante", sendo eles proibidos de verdade ou apenas com uma má visão das autoridades, em qualquer parte do mundo.
Resolvi selecionar os que eu acho que entram naquele "Top 5" essencial  para a nossa vida de leitor e falar porque eles sofrem essa opinião em alguns lugares. Infelizmente, não li todos os livros citados na matéria original, mas fiquei muito contente em notar que eles estavam na minha listinha de "quero ler". Como sempre, citarei em minha classificação apenas os livros que já li e posso tecer comentários a respeito.

Trazendo violência, insensibilidade e linguagem ofensiva, é considerado pelos pais mais tradicionais dos Estados Unidos uma grande violação contra os direitos humanos, mesmo sendo uma obra de ficção. Ainda assim, os livros são um tremendo sucesso no mundo todo e com o lançamento do filme baseado no primeiro livro da trilogia, em 2012, a venda dos três livros só aumentou.
É um livro banido já há 5 anos das bibliotecas americanas por tratar abertamente de sexualidade e drogas. Mas da mesma maneira que Jogos Vorazes, após o lançamento do filme também em 2012, a venda de exemplares aumentou descontroladamente.





Harry Potter - J. K. Rowling
A coleção de livros que marcou uma geração inteira é banida desde o seu lançamento nos Emirados Árabes por, supostamente, incentivar a bruxaria. Mas não foi só lá. Até mesmo aqui no Brasil e nos Estados Unidos, religiosos vetaram a leitura da história do menino-que-sobreviveu. Mesmo com todo esse pensamento, nada impediu que a série se tornasse um fenômeno mundial.

Banido de diversas bibliotecas ao redor do mundo por retratar o consumo de drogas e violência em um governo totalitário que queimava os exemplares de qualquer livro ainda existente, que acabou por ser o que aconteceu com várias cópias dessa obra.

Vai sonhando (Gossip Girl #9) - Cecily von Ziegesar
Dentro da série, esse é um volume não considerado próprio para o público jovem ao qual ele é voltado. Trazendo sempre um retrato da vida de adolescentes ricos e glamurosos de Nova York, esse traz uma referência ainda maior ao consumo de drogas e álcool, hábitos para maiores de 21 anos nos Estados Unidos.




Na minha humilde opinião, o leitor deve ter liberdade na hora da escolha de suas leituras, apenas ter a maturidade suficiente para não se deixar influenciar por uma história ficcional.
Vocês concordam que esses livros devem ser impedidos de serem lidos?  Comentem!

Beijo,
Nic Kloss.

12 comentários:

  1. Adorei a lista! Já li os 3 primeiros dela, e concordo plenamente que não deveriam ser proibidos. Muito pelo contrário! Fazem parte dos livros mais indicados por mim (principalmente Perks!)
    Cada um deve ter o direito e a liberdade de escolher o que quer ler, se deixa influenciar quem quer!
    Beijosss
    http://spaceindaze.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá! Da lista já li Jogos Vorazes e Harry Potter. Sou super fã dos dois *-*
    Adorei o blog estou seguindo..

    Beijos
    @blogscl
    http://www.sonhando-com-livros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii..
    Com certeza, Harry Potter não poderia faltar! Não mesmo, rs!
    Já vi muito a respeito do "As vantagens de ser invisível". Tenho que procurar para ler, rs!

    Beeijos
    luizando.blogspot.com

    *vou te linkar (:

    ResponderExcluir
  4. Tenho 3 na minha estante! Já ta bom, né? haha
    Adorei a seleção, muito boa!
    Abraços,

    Murilo - Books All Over You

    ResponderExcluir
  5. Olá! Adorei a postagem, sabia apenas de 451 e gostei muito de ficar por dentro dessas curiosidades. Até o Harry!

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Da lista só li Jogos vorazes e Harry. Tenho as vantagens de ser invisível, mas ainda não li. Será que não entendem que quando proíbem alguma coisa, é ai que todo mundo vai querer?.

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Concordo contigo, acho que todo mundo tem o direito de escolher o que é bom pra si ou não, e a gente sabe que não é um livro inofensivo, porque eles são, que vai transformar alguém em violento ou usuário de droga né.

    Michelle Boyd
    The Little Things

    ResponderExcluir
  8. Nunca li nenhum, mas por não terem chamado minha atenção;

    ResponderExcluir
  9. Que legal essa lista. Desses ja li HP (que amo) e tenho muita vontade de ler Jogos Vorazes e As vantagens de ser invisivel.
    boa semana
    ;*

    dudsparrow.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. UAU, já li esses 5 livros proibidos! Me sentindo bandida ashaushauhsuahs
    Concordo com você que deixa se influenciar quem quer, todos deveriam ter o livre-arbítrio de escolherem o que querem ler!

    ResponderExcluir
  11. realmente todos são excelentes livros...ja li 3 dos 5 e os outros 2 estou doida pra ler..

    ResponderExcluir
  12. Concordo com você sobre a liberdade de o que ler. Olha só o 50 tons, taí em destaque pra qualquer criança de onze anos folhear nas livrarias e me vêm com essa baboseira de incentivo a bruxaria em HP, tsc...
    Amo Fahrenheit 451! E achei a desculpa de quem baniu bem esfarrapada. Nem de longe a violência é o foco e não me lembro de abuso de drogas. Esses autoritários estão é com medo dos leitores formarem sua opinião sobre os próprios, haha.
    Desculpe o desabafo, mas coisas assim me tiram do sério. u_u ahuuah

    Beijos e feliz dia das mulheres!
    Sobre Café e Livros

    ResponderExcluir