quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Livro x Filme: A menina que roubava livros

Oi, gente!

Como foi informado pela Ná recentemente, iremos falar de mais assuntos no blog. Hoje, estou estreando uma coluna onde faremos a comparação da obra literária com a cinematográfica. Então, nada melhor do que começar com a adaptação do meu livro predileto, certo?

Podem ler, não haverá spoilers! :)











                x
       










Cheguei ao cinema tentando não criar expectativas e completamente receosa. Quem me conhece, sabe que esse é meu livro predileto da vida - já até cansei de falar isso, rs - então, eu simplesmente estava pronta para tudo. O que quer que fosse. E, ainda bem, me surpreendi! 

Reli o livro para ir ver o filme e consegui perceber todos os detalhes possíveis que talvez fosse esquecer. Acredito que a adaptação foi bem fiel em coisas importantes, mas infelizmente senti que cenas fundamentais foram menos expressivas ou não aconteceram. 

De forma geral, gostei bastante da imagem masculina dada à Morte (imaginava dessa forma, porém não exatamente como um homem), o Max chegou perto de como imaginava-o (e simplesmente amei a atuação de Ben Schnetzer!!!). Achei em alguns momentos a Rosa boazinha demais e me incomodou o fato de colocaram uma Liesel "saudável". Para mim, Liesel era uma garota pobre, que passava fome e beeeem magrinha. 

Apesar de tudo isso, achei o filme incrível. Foi denso, mas ao meu ver, faltou emoção em cenas que eram fundamentais para passar esse sentimento àqueles que não leram a obra. De forma geral, é incrível e apaixonante e não dá (pelo menos não consegui) para sair do cinema sem estar satisfeita.

Porém, obviamente, o livro é muito melhor. Os detalhes emocionais, cenas intensas e coisas que talvez dessem um entendimento maior da relação dos personagens faltaram e que sem duvida, estão completamente presentes na obra de Zusak.

E vocês? Já viram o filme e leram o livro? O que acharam de ambos? Comentem!

Além disso, digam o que acharam da coluna e se tem mais alguma sugestão à nós! 

Beijos,
Ká Andrade

9 comentários:

  1. Eu comecei a ler o livro, mas abandonei.
    Fui assistir o filme e me apaixonei pelo filme, agora pretendo continuar lendo o livro.
    Juro que chorei muito nesse filme rs até falei um pouco sobre ele no blog.
    Beijos.

    sonhosdegarota.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Ká!

    Ainda não vi, pois estou com o mesmo receio que você estava. Ele também é uma dos meus livros favoritos e tenho quase certeza que não irá me comover tanto quanto o livro. Espero ficar ao menos satisfeita. Adorei a nova coluna.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Sou apaixonada pelo livro,
    infelizmente ainda não assisti o filme, mas estou querendo muito conferir, sem muitas expectativas apesar dos vários elogios que tenho lido, tenho medo de me decepcionar hehe

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Apesar da Liesel "limpinha", acho que eles foram felizes na caracterização da casa, bem bagunçada e pequena. Verdade que a Rosa estava pegando leve, mas isso não me incomodou tanto =)

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ainda não vi o filme, mas amo o livro e isso me faz ter a certeza que o livro é bem melhor como sempre.
    Mesmo vendo muita gente dizendo que faltou cenas importantes, quero ver o filme.

    www.iasmincruz.com

    ResponderExcluir
  6. Já li o livro e amei, mas já faz muito tempo que li
    Agora estou louca para assisti o filme
    Gostei bastante da analise

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Olá, Ká =).
    Acho que quando nós lemos o livro é natural encontrarmos defeitos no livro, até porque, geralmente, o livro é MUITO melhor. Com relação a essa obra em especial eu farei algo que pensei que nunca faria: vou assistir primeiro o filme e basear nele a decisão de ler ou não a obra. É que já vi muitos comentários de blogueiros que confio demais falando que o livro é monótono e tal, aí fico com o pé atrás.
    Beijos.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Que bom que você tendo amado o livro gostou do filme. Fiquei mais animada para assistir.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  9. Hoje mesmo vi uma opinião falando que não gostou da morte como homem e hoje a sua gostando...legal! Ainda não li o livro e nem vi o filme, mas quero muito para comparar...dificilmente um filme é melhor que o livro.
    Bloody Kisses
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir