segunda-feira, 9 de setembro de 2013

Uma longa jornada - Nicholas Sparks

Autor: Nicholas Sparks
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580411959
Número de páginas: 368
Sinopse: Aos 91 anos, com problemas de saúde e sozinho no mundo, Ira Levinson sofre um terrível acidente de carro. Enquanto luta para se manter consciente, a imagem de Ruth, sua amada esposa que morreu há nove anos, surge diante dele. Mesmo sabendo que é impossível que ela esteja ali, Ira se agarra a isso e relembra diversos momentos de sua longa vida em comum: o dia em que se conheceram, o casamento, o amor dela pela arte, os dias sombrios da Segunda Guerra Mundial e seus efeitos sobre eles e suas famílias.
Perto dali, Sophia Danko, uma jovem estudante de história da arte, acompanha a melhor amiga a um rodeio. Lá, é assediada pelo ex-namorado e acaba sendo salva por Luke Collins, o caubói que acabou de vencer a competição.
Ele e Sophia começam a conversar e logo percebem como é fácil estarem juntos. Luke é completamente diferente dos rapazes privilegiados da faculdade. Ele não mede esforços para ajudar a mãe e salvar a fazenda da família. Aos poucos, Sophia começa a descobrir um novo mundo e percebe que Luke talvez tenha o poder de reescrever o futuro que ela havia planejado. Isso se o terrível segredo que ele guarda não puser tudo a perder.
Ira e Ruth. Luke e Sophia. Dois casais de gerações diferentes que o destino cuidará de unir, mostrando que, para além do desespero, da dificuldade e da morte, a força do amor sempre nos guia nesta longa jornada que é a vida.


Esse livro foi uma surpresa para mim. Gostei mais do que achei - e esperava que fosse gostar - porque senti que ele fugiu da imagem (e recordação) que tenho dos outros livros do autor.
O livro começa de maneira inocente. Narrando em 1ª pessoa as memórias de Ira, um senhor eternamente apaixonado por sua esposa Ruth, e como esse amor mudou e influenciou toda a sua vida, e é graças a essas memórias que o senhor consegue se manter vivo depois de ter sofrido um acidente de carro. E passa a ter seus capítulos intercalados com a narração da história de Luke e Sophia (feitas em 3ª pessoa), a forma que eles se conhecem numa situação ruim envolvendo o ex-namorado de Sophia e a relação que passam a construir desde então.
Começa a ser contada todo o desenvolvimento das duas histórias de amor e os segredos que existem entre os casais que poderiam ter mudado todo o rumo dos acontecimentos, apimentado por histórias da rotina que só fazem com que o amor cresça entre esses dois casais. Mas o mais interessante para mim nessa história, foi o desfecho. Pois queria muito saber como duas histórias que não tinham muito a ver uma com a outra pudessem se encaixar no final e se completarem de uma maneira encantadora. E confesso que eu gostei da maneira que isso foi feito, pois não ficou aquela coisa óbvia para os leitores. Me deixou curiosa a ponto de me motivar a querer descobrir mais. 
Claro que esse livro não ficou sem ter os clichês básicos que eu encontro nos livros do Nicholas Sparks e é o que mais me incomoda no desenvolvimento da história que ele cria. Mas nessa trama em particular, apenas um me desagradou e acredito que eu teria gostado bem mais do livro se não existisse esse segredo que o Luke esconde e deu o toque dramático desnecessário.

Avaliação: 3,5/5
"A nossa realidade é pautada por nossas percepções. Que algo é bom ou ruim, apenas porque nós, vocês e eu, acreditamos que seja, baseados em nossas próprias experiências. (...) Em outras palavras, nossas opiniões, nossos pensamentos e nossos sentimentos, tudo que experimentamos, não precisam nos definir para sempre."
Beijo,
Nic Kloss.

11 comentários:

  1. Fiquei curiosa para conhecer a história desse livro. Sou fã dos livros do Nicholas Sparks mas saber que ele teve uma abordagem diferente nesse livro me deixou ainda mais interessada. Adorei a resenha!

    Beijo:*
    Naty.

    ResponderExcluir
  2. Vou querer ler pois adoro os livros do Nicholas. Não gostei muito dessa capa, mas sei lá pode ter a ver com a história, não sei heheehhe

    http://blogprefacio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Nic!

    Gostei da história parece bem interessante, tem algumas sinopses de outros livros do autor que não me chamam a atenção. Ótima resenha.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Estou louca pra ler esse livro, mas ainda não consegui comprar. Adoro os livros do Nicholas e fiquei besta com sua nota. :/
    Beijos,

    marinaalessandra.blogspot.com
    @mariinaale
    @maioordeidade
    Instagram: @mariinaalessandra

    ResponderExcluir
  5. Nicholas Sparks pra mim é amor eterno. Compro os lançamentos até sem ler a sinopse hahaha.
    Ainda não li esse e tenho muita vontade. Gosto muito quando ele 'foge a regra' rs

    www.resenhasealgomais.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi,
    Eu sou fã de Nicholas Sparks, mas quando li sua resenha confesso que fiquei mais interessada por esse livro, já está na minha listinha de desejado.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bom?
    Eu tenho o mesmo pé atrás com o Nicholas Sparks que você, de achar que todos os livros dele tem a mesma temática e fico feliz de saber que Uma Longa Jornada é surpreendente nesse ponto!
    Gostei da resenha!
    Obrigada por prestigiar minha coluna no blog Refúgio das Palavras!
    Tem post novo e promoção!
    Beijão
    Endless Poem

    ResponderExcluir
  8. Hum...quero muito ler esse livro. A única questão que não curti nele logo de cara foi a capa...mas espero que a leitura seja satisfatória, gosto do modo como o Sparks escreve.
    Beijos!
    Paloma Viricio-Jornalismo na Alma.

    ResponderExcluir
  9. Nicholas é Nicholas né? Então é claro que quero ler esse livro <3
    Eu sempre sofro com todos seus livros, mais continuo lendo, sou apaixonada haha
    Beijos
    http://souseuastral.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Nic!
    Eu adoro os livros do Sparks mas os finais sempre são meio óbvios. Que bom que esse não foi assim!

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  11. Eu já li muito Nicholas Sparks e isso acabou fazendo com que eu cansasse das histórias do autor, que normalmente, são muito parecidas. A sinopse desse é interessante, mas eu ainda vou esperar uns anos antes de voltar a ler Sparks.

    ResponderExcluir